Segurança do trabalho: Uso da serra circular em bancada.

Nos nossos artigos anteriores da série sobre Segurança do Trabalho, já falamos que esta deve ser pensada como a comunhão entre medidas adotadas para proteger a integridade física e psíquica dos profissionais em uma empresa.

Como ninguém está a salvo de acidentes, é importante que o trabalhador e empresa conheçam os procedimentos de segurança para a realização de serviços que envolvam riscos.

Você já deve ter escutado inúmeras histórias de acidentes de trabalho relacionados as atividades da construção civil. Esses acidentes em sua maioria, são decorrentes da falta de atenção com os procedimentos de segurança nas atividades.

Devido a importância dos procedimentos de segurança do trabalho, continuamos nossa série abordando o uso da serra circular em bancada.

A Serra circular é um disco ou uma lâmina de metal utilizado para cortar madeira ou outros materiais, onde a lâmina é uma parte afiada cortante, que é capaz de causar lesões cortantes sérias se não manuseada com cuidado e atenção.

Confiram também, nossos temas já publicados sobre o assunto: Segurança no Trabalho: trabalho em altura e Segurança no Trabalho: boas práticas em escavações de valas

Identificação dos riscos

Antes de qualquer coisa, é necessário identificar todos os riscos da utilização de serra circular em bancada:

•    Choques eléctricos
•    Cortes e amputações
•    Pancadas por objetos
•    Abrasões e entalamentos
•    Ruído ambiental
•    Projeção de partículas e de poeiras

Procedimento operacional

  • Para fazer o uso da serra circular é importante estar atento a alguns procedimentos que irão garantir a qualidade do trabalho e a segurança ao manusear a serra.
  • As mãos devem ser mantidas fora da linha de corte com um área de segurança de 15 cm perimetral a serra circular.
  • Nas operações de corte de madeira, devem ser utilizados dispositivos como empurrador e guia de alinhamento.
  • É proibida a retirada da capa de proteção devido à pouca distância entre a serra e a guia de alinhamento e deve-se parar totalmente a máquina antes de ajustar a lâmina e/ou a guia e desconectá-la da rede elétrica antes de trocar a lâmina.
  • Utilizar sempre uma escova ou outro instrumento para limpar a serragem e os pedaços que sobraram das madeiras serradas, desde que a máquina atenda ao item anterior.
  • Peças longas de madeira deverão ser cortadas utilizando um segundo trabalhador para remover as peças cortadas. Neste caso, a mesa deve ser estendida de tal forma que à distância entre o bordo traseiro da mesa e a lâmina da serra seja superior a 120 cm.
  • O cutelo divisor atua como uma cunha, impedindo que as partes da peça que está sendo serrada se fechem sobre o disco. As máquinas que produzem serragem devem ser equipadas com caixa coletora de serragem.
  • O assistente deve se manter sempre no bordo traseiro da mesa, longe da serra. Embora o cutelo divisor diminua o risco de acidentes, mas não o elimina.
  • A serra deve dispor de vários tipos de mecanismos de proteção pois não há nenhum mecanismo sozinho que possa servir para todas as funções que as serras podem desempenhar.
  • As lâmpadas de iluminação da carpintaria devem estar protegidas contra impactos provenientes da projeção de partículas.
  • A carpintaria deve também, ter pisos resistentes, nivelados e antiderrapantes, com cobertura capaz de proteger os trabalhadores contra quedas de materiais e intempéries.
  • A capa de proteção, bem como o cutelo divisor, devem inclinar-se com a serra, impedindo que a proteção toque a serra. A capa de proteção deve ser forte e facilmente ajustável.
  • É indicado ser de formato e extensão suficiente para cobrir o máximo possível a serra. Precisa ser dotada de extensões laterais e ser mantida ajustada o mais próximo possível da superfície da peça trabalhada.
  • É obrigatória a identificação dos operadores por meio de termo de responsabilidade colocado em local visível, com foto dos operadores habilitados.

Medidas preventivas que devem ser tomadas para garantir segurança

Além de serem tomadas as medidas de segurança necessárias, é de extrema importância o uso de equipamentos de proteção individual, conhecido popularmente como EPI.

Quanto a proteção do operador, é obrigatório a utilização de óculos de proteção, protetor facial, luva, avental, respirador PFF1 e protetor auricular (tipo concha), assim como seu treinamento e obrigatoriedade de sua utilização por meio de fichas de Equipamentos de Proteção Individuais, ordens de serviços, cartazes de sinalização, procedimento e advertência.

Devem ser utilizados todos ao mesmo tempo e além disso, o item mais importante da lista é o profissional ter conhecimento no procedimento operacional.

Operadores qualificados

São considerados autorizados e qualificados os trabalhadores que comprovem perante o empregador e inspeção do trabalho, uma das seguintes condições (NR18);

  • Capacitação mediante treinamento da empresa;
  • Capacitação mediante curso ministrado por instituições privadas ou públicas, desde que conduzido por profissional habilitado;
  • Ter experiência comprovada em carteira de trabalho pelo menos a seis meses na função

Equipamentos necessários para a utilização da Serra circular em Bancada

Para um bom funcionamento da serra circular em bancada, é preciso utilizar equipamentos próprios. Abaixo listamos os matérias necessários para o serviço:

  • Mesa estável com fechamento de suas faces inferiores, anterior, posterior, pode ser feita de madeira, material metálico ou outro material que possua resistência equivalente, sem irregularidades e com dimensionamento necessário para a execução correta das tarefas.
  • A carcaça do motor deve estar aterrada;
  • O disco precisa ser mantido afiado e travado, quando possuir trincas, dentes quebrados ou empenados, é necessário sua substituição;
  • As transmissões de força mecânica devem estar protegidas obrigatoriamente por anteparos fixos e resistentes, não podendo ser removidos, em hipótese alguma, durante a execução dos trabalhos;
  • A área de segurança deve ser devidamente marcada, sendo ela de 15 cm perimetral da serra circular;
  • Ser provida de coifa protetora do disco e cutelo divisor, com identificação do fabricante e ainda coletor de serragem.
  • É indicado também colocar a foto do operador responsável, para que seja fácil sua localização, caso seja necessária.

Fatores que podem prejudicar o serviço em relação ao disco

Existem fatores que podem prejudicar, atrapalhar e também causar danos. Como por exemplo, o uso do disco numa velocidade superior a recomendada pelo fabricante, a fixação incorreta do disco no eixo ou o disco estar desequilibrado.

Não pode ser utilizado madeira com incrustações duras, ou abandonar ferramentas junto ao disco.

É conveniente que se utilize um sistema de frenagem que pare a serra em no máximo 10 segundos após seu desligamento. E a utilização de discos desgastados também interfere no serviço.

Proteção contra incêndio e explosão

Dada à natureza altamente inflamável da madeira (especialmente nas formas de serragem e aparas), e dos demais produtos existentes nas carpintarias, como diluentes, colas e revestimentos, nunca será demasiado insistir na necessidade de prevenção de incêndios.

Entre as medidas são destacadas:

  • Locais específicos para armazenagem e transporte da serragem e aparas das madeiras assim como a limpeza das mesmas no ambiente de trabalho;
  • É expressamente proibido fumar em local de trabalho, devem também ser eliminados todos os focos de combustão;
  • Cuidado com a manutenção adequada das máquinas para evitar situações de aquecimento desnecessário de partes das mesmas, como os rolamentos;
  • Além disso, devem ser instalados extintores de incêndio em lugares de fácil acesso e próximo a serra, caso seu uso seja necessário.

Procedimentos que a Construtora Fetz Utiliza

Presando a segurança e a medicina do trabalho são utilizadas as seguintes normas:

A utilização da serra circular em bancada em obras é bastante comum, com isso é visto inúmeras histórias de acidentes de trabalho com ela. Utilizando as dicas e especificações necessárias, os acidentes gerados são reduzidos consideravelmente.

Se você ficou com alguma dúvida nos procedimentos necessários para o uso da serra circular em bancada não deixe de nos enviar um email. Inscreva-se também, na nossa newsletter e acompanhe nossa série de artigos sobre o assunto!

Deixar um comentário