Certificação ISO 9001: por que o PPRA e PCMSO são importantes?

A certificação ISO 9001 baseia-se em uma série de princípios de gerenciamento de qualidade, incluindo forte foco no cliente e a abordagem em processos de melhoria contínua.

Para isso, ela fornece um conjunto de requisitos obrigatórios que te apoiarão na implementação de um Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ).

Os requisitos são projetados para serem aplicáveis ​​a qualquer empresa em qualquer setor e são especialmente importantes na Construção Civil.

Contudo, não são somente os requisitos obrigatórios que contam para conseguir sua certificação ISO 9001.

Como falamos, um dos pontos da ISO 9001 é a padronização e melhoria contínua dos procedimentos, o que nos leva ao PPRA e PCMSO.

O que são o PPRA e o PCMSO?

O Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) está previsto pela norma regulamentadora NR-9 do Ministério do Trabalho e é obrigatório para todas as empresas que possuam um ou mais trabalhadores.

O objetivo é preservar a saúde a integridade física dos profissionais na Construção Civil.

Para isso, deve ser elaborado um programa de higiene ocupacional que faça o reconhecimento e avaliação dos possíveis riscos ambientais aos quais os trabalhadores estão sujeitos no local de trabalho.

Já o PCMSO, Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional, está previsto pela norma regulamentadora NR-7 do Ministério do Trabalho e também é obrigatório para todas as empresas que possuam um ou mais trabalhadores.

O objetivo do PCMSO é acompanhar os trabalhadores que estejam expostos aos riscos ambientais encontrados.

Esse monitoramento deve ser individual e busca atestar por meio de consultas e exames médicos a saúde dos trabalhadores para que qualquer problema seja identificado e remediado com antecedência.

Os dois programas são baseados em ações contínuas, ou seja, sua implementação não é única.

Enquanto não há regra para qual deve ser implementado primeiro, o PPRA servirá como subsídio para o PCMSO, uma vez que os riscos mapeados no primeiro servirão como base para prevenção e proteção da saúde no segundo.

Por que o PPRA e PCMSO são importantes para a ISO 9001?

Os requisitos da ISO 9001 são amplamente divididos em seções (chamadas cláusulas ISO 9001), que contém requisitos obrigatórios: condições gerais do Sistema de Gestão da Qualidade, responsabilidade do gerenciamento, ​​gerenciamento de recursos, realização do produto, medição, análise e melhoria.

Elas destacam os requisitos para o compromisso e foco do cliente e ainda abrangem as medidas de gerenciamento para fornecer recursos, incluindo infraestrutura, ambiente de trabalho e recursos humanos, com ênfase na competência, conscientização e treinamento.

Daí a importância do PPRA e PCMSO. Os dois programas buscam melhorar o desempenho da mão de obra e aumentar a produtividade, exigências para a certificação ISO 9001.

Ao estabelecer os critérios para um trabalho produtivo, eles ainda documentam e padronizam os processos para manutenção de um ambiente de qualidade no canteiro.

Qual a importância da certificação ISO 9001?

Mas por que sua empresa de construção deve se preocupar em conquistar a certificação?

O Sistema de Gestão de Qualidade proposto pela certificação ISO 9001 é uma maneira de fazer as coisas na sua organização para alcançar resultados pretendidos alinhados com seus objetivos gerais.

A ISO 9001 é o padrão internacional para sistemas de gerenciamento de qualidade em todos os setores e, também, na construção.

É uma plataforma uniforme e bem organizada, usada por organizações que lhes permitem realizar um gerenciamento de qualidade consistente.

Isso, por sua vez, ajuda a criar funcionários e clientes satisfeitos, bem como a implantar melhoria contínua.

Muitas empresas estão se tornando mais conscientes de que seus clientes querem uma garantia de que os produtos e serviços que estão procurando atenderão aos requisitos de qualidade.

E ter a certificação ISO 9001 é uma forma de mostrar isso.

Você gostou do nosso artigo? Aproveite e faça o download gratuito do nosso Manual de Segurança do Trabalho e veja como colocar na prática os programas de prevenção de riscos e proteção à saúde para ter sua certificação ISO 9001!

Deixe um Comentário