Como obter maior eficiência energética na indústria da construção

Sustentabilidade é a palavra que vem circulando todas as indústrias e não seria diferente com a Construção Civil. O setor pode causar diversos impactos ambientais, seja com a geração de entulho ou com o consumo de energia de uma obra.

Além dos impactos ambientais, o alto consumo energético é uma preocupação devido aos custos gerados para o projeto. É por isso que se precisa pensar na eficiência energética da construção.

Mas como obter mais eficiência sem prejudicar o andamento da obra? Continue lendo conosco e veja as principais dicas!

1. Comece com instalações energeticamente eficientes

Embora grande parte da poluição emitida pelos canteiros de obras venha do próprio processo de construção e transporte, o gerenciamento eficiente de energia dos escritórios locais também é uma consideração importante.

O uso de acomodações no local com uma classificação de certificado de desempenho de energia na etiqueta PBE Edifica, criada para incentivar o uso racional de energia, ajuda a reduzir o consumo.

A consideração de um sistema combinado de calor e energia no local ou o uso de opções renováveis, como a luz solar, também poderia ajudar na transição para alternativas mais eficientes.

2. Cuide dos resíduos de construção

Com os resíduos de construção contribuindo em grande parte para os fluxos de lixo em muitos países, o fato é que simplesmente é insustentável que a construção continue sua abordagem linear de fabricar, usar e descartar.

Incorporar a sustentabilidade a uma política eficaz de gestão de resíduos é uma parte importante do combate aos problemas e impactos ambientais da indústria.

Mas o que isso tem a ver com a eficiência energética da construção? Resíduos recicláveis podem economizar o consumo se transformando em novas fontes de energia e o transporte de resíduos também deve ser pensado de forma a economizar combustível.

3. Considere os materiais pré-fabricados

O efeito indireto de prazos mais curtos de entrega do projeto, redução do desperdício no local e impacto reduzido das atividades in loco, traz uma diminuição significativa nas emissões causadas durante o processo tradicional de construção.

Esta é uma das razões pelas quais, está se desenvolvendo uma tendência muito forte do uso de materiais pré-fabricados, aqueles que são construídos fora do canteiro e trazidos prontos a esse. Isto irá representar o futuro da indústria da construção.

4. Economize sua frota de transporte

Atualmente, o transporte responde por cerca de 20% das emissões de dióxido de carbono no Brasil.

Juntamente com o treinamento de eficiência do motorista e rastreamento de telemetria, soluções como a mudança para veículos mais eficientes, fornecimento local de materiais e consolidação de fornecedores locais podem reduzir o impacto das viagens de ida e volta ao canteiro — e o meio ambiente agradecerá por isso!

5. Construir uma cadeia de suprimentos sustentável

80% das emissões associadas ao ambiente construído, são de edifícios em uso. Além de assumir a responsabilidade pelas emissões no local durante o processo de construção propriamente dito, reduzir a pegada de carbono embutida nos novos edifícios também é uma prioridade.

Embora isso seja algo que deve ser levado em conta na fase de projeto do edifício, adotar uma abordagem de sustentabilidade para suprimento de materiais pode reduzir o impacto dos materiais usados ​​na construção.

Por exemplo, usando materiais alternativos reciclados e considerando o impacto no ciclo de vida de materiais desde a extração até o descarte.

6. Use equipamentos de forma eficiente

A utilização de combustíveis de alta qualidade, utilizando alternativas renováveis ​​sempre que possível e garantindo a lubrificação correta dos equipamentos, são as principais formas de alcançar esse objetivo.

Mas escolher o tipo certo de máquina para as necessidades do seu canteiro é tão importante quanto. Quando um gerador no local é necessário, por exemplo, certifique-se de que o gerador de tamanho correto seja usado para cobrir o uso de energia necessário.

Considere o uso de geradores menores para períodos de menor demanda. Isso pode significar a contratação de mais de um, mas pode ajudar a garantir que você não esteja gastando energia desnecessariamente.

Parece que, como um todo, a indústria está cada vez mais comprometida em assumir a responsabilidade por seu impacto ambiental. Apesar disso, ainda é possível fazer mais para reduzir as emissões de carbono e os custos de consumo no local!

Gostou das dicas para obter mais eficiência energética na construção? Acompanhe nosso blog e veja muito sobre como melhorar a gestão do seu canteiro!

Deixe um Comentário