Gerenciamento da Obra, afinal tempo é dinheiro!

Cumprimento de cronograma, previsão financeira, qualidade e disponibilidade de materiais e equipamentos, são só algumas das variáveis que expressam a complexa tarefa de gerenciamento da obra.

Somado a isso, temos a gestão da mão de obra e todos os problemas relacionados, como a falta de profissionais qualificados, atrasos, produtividade, entre outros.

Resumindo, nós entendemos que todas essas questões consomem tempo do gestor e podem acarretar em desperdícios que provavelmente seriam evitados seguindo-se algumas recomendações de administração e planejamento para a construção civil.

Pensando em ajudá-lo a conquistar resultados mais efetivos, listamos a seguir algumas dicas que vão melhorar o seu gerenciamento de obras e evitar erros durante a construção. Acompanhe!

Pense bem no projeto para ganhar agilidade

Toda obra de sucesso começou como um projeto de sucesso. Com um projeto bem elaborado, é possível identificar todas as implicações da construção antes mesmo de ela começar, prevendo quais etapas deverão ser seguidas e se haverá ou não a necessidade do emprego de esforços extras.

É claro que isso não elimina por completo a possibilidade de imprevistos e eventualidades aos quais todos os empreendimentos estão sujeitos, mas um planejamento bem feito permite ficar preparado para evitar atrasos e gastos não esperados.

Utilize a tecnologia no gerenciamento de obra

É normal que existam alguns obstáculos que atrapalham uma boa gestão quando lidamos com trabalho em campo, como no caso dos empreendimentos civis. A distância entre gestores da obra e os trabalhadores na construção, nesse caso, pode ser um problema.

Porém, é possível reduzir essa distância com o uso da tecnologia. Atualmente, muitos gestores optam pela utilização de softwares e soluções móveis que contribuem com o controle da mão de obra em campo e ajudam a monitorar em tempo real a evolução da construção.

Melhore os canais de comunicação

A integração entre mão de obra, gestores e clientes é essencial para o projeto. Para conseguir que todos estejam alinhados, o melhor caminho é possuir um canal de comunicação direto. Conseguir trocar informações rapidamente evita problemas tais como erros na construção ou falta de entendimento a respeito do que o cliente espera do projeto.

O uso de tablets e dispositivos móveis pelos coordenadores em campo tem sido cada vez mais aderido por empresas do ramo de construção, uma vez que, com isso, é possível enviar e receber dados de maneira rápida e direta. Eles também servem como forma de comunicação com o cliente, que se sente mais seguro acompanhando de perto o andamento da obra.

Estabeleça metas para assegurar o menor custo da obra

Uma ótima forma de estimular a produtividade em uma equipe é o estabelecimento de metas. Em um canteiro de obras, criar metas é uma forma de garantir maior produtividade e o cumprimento dos prazos determinados no início do planejamento.

Determine metas por períodos e por equipes específicas e acompanhe o desempenho delas. É importante também destacar o que vem sendo cumprido, de maneira a estimular o esforço conjunto de todos em construir um resultado final com a melhor qualidade possível.

Procure um serviço especializado

Como afirmamos logo no início, o gerenciamento de uma obra requer cuidado com diversos fatores, o que pode deixar gestores sobrecarregados, deixando de focar no core business da empresa.

Uma boa saída nesse caso é a terceirização de serviços. O apoio de uma equipe especializada no gerenciamento de obras proporciona agilidade e segurança em todas as etapas do projeto.

Essa equipe trabalha direto do canteiro, participando ativamente de todas as etapas da obra e servindo como ponte entre os trabalhos que acontecem nela e o gestor, para apoiá-lo melhor nas suas decisões.

Isso libera tempo para se dedicar ao crescimento e à manutenção do negócio, enquanto os detalhes da construção ficam nas mãos de profissionais altamente capacitados.

Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudá-lo a tornar seu gerenciamento de obra mais eficiente!

Comentários
  • Henrique Mortoza
    Responder

    Ótima matéria,

Deixe um Comentário